Continua após a publicidade..

Por que não apenas os tempos de volta da Red Bull preocupam rivais

Vanessa   |   26-02-2024   |   Curiosidades

Quem é amante das corridas de Fórmula 1 fica sempre de olho em tudo que acontece com a Red bull. Dessa vez, a marca volta às manchetes por outra razão.

Quer saber qual o motivo? Então, confira como não apenas os tempos de volta da Red Bull preocupam rivais. Veja!

Afinal, por que não apenas os tempos de volta da Red Bull preocupam rivais

Por que não apenas os tempos de volta da Red Bull preocupam rivais ( Imagem: Divulgação)

Por que não apenas os tempos de volta da Red Bull preocupam rivais (Imagem: Divulgação)

Em primeiro lugar, é importante destacar que as equipes de Fórmula 1 raramente concordam em algo, mas, quando os testes chegaram ao fim na noite do dia 26 de fevereiro, o consenso do paddock era claro de que a Red Bull é a equipe a ser batida.

Continua após a publicidade..

Nesse sentido, uma rápida olhada nas tabelas de tempos já indicava nessa direção. Afinal, Sergio Pérez estabeleceu a referência geral na enxurrada de voltas usando menos combustível, quando as equipes finalmente revelaram algum potencial.

Vale destacar que a confiabilidade do carro parecia perfeita.

No entanto, não havia nada que sugerisse que parecesse uma ameaça em termos de tempos de volta em simulações de corrida, para qualquer um dos rivais de Pérez e Max Verstappen.

Veja o que o consultor da Red Bull falou sobre o episódio:

“Os tempos nos testes, como sabemos, são relativos. Não sabemos como foi a competição com combustível, então se eles estivessem mais pesados do que nós, nosso tempo é relativo, mas foi demonstrado que somos confiáveis, que somos rápidos, que estamos na frente.”

E não parou por aí.

“Acima de tudo, o que nos deixa muito otimistas é que as long runs de Pérez e Max foram claramente mais rápidas.”

Ritmo sem esforço

Por outro lado, é bom lembrar que os carros de F1 mais rápidos podem ser muito difíceis de pilotar no limite, às vezes. Dessa forma, apenas os melhores pilotos são capazes de extrair o máximo deles para ter uma alta performance.

No entanto, desde o primeiro momento em que o RB19 foi para a pista no Bahrein, parece ter sido relativamente simples para Verstappen e Pérez levá-lo ao limite.

Continua após a publicidade..

Vale destacar ainda que, com outras equipes lutando para encontrar um bom equilíbrio em seus carros, Verstappen se gabava de não enfrentar nenhum drama próprio. “Toda vez que entrei no carro me senti confortável e pude acelerar instantaneamente”, disse ele.

Nesse sentido, um fato curioso é que isso pareceu acontecer no primeiro dia do teste, quando, depois de algumas voltas de instalação, Verstappen passou o resto do dia disparando em rápidas 5/6/7 voltas.

Ou seja, tudo no mesmo ritmou ( surpreendendo pela consistência já que só foi interrompido apenas por vir aos boxes para mudanças de configuração).

Nesse sentido, é bom lembrar que a consistência ao longo de todas essas corridas sugeriu que ele e o carro estavam em um lugar muito feliz, e tudo estava sob controle e rápido.

Dessa forma, Verstappen contou que atingir esse ponto ideal tão cedo deu à Red Bull uma grande vantagem na compreensão do carro.

“Acho que todos os dias de teste foram muito positivos para nós”, disse ele.

“O equilíbrio do carro ficou imediatamente bom e, como resultado disso, você pode tentar muitas coisas com o acerto – ir extremamente para a esquerda e extremamente para a direita, por assim dizer. Isso é bom, porque este é assim que você aprende muito sobre o carro.””

Pneus novos dando a Verstappen o que ele quer

Assim, é bom lembrar que, quando a Red Bull começou o seu programa de redução de peso no GP da Emilia Romagna, as coisas também mudaram para Verstappen.

Isso porque ele recuperou um carro que rodava como ele gosta, o que ajudou a desencadear o tipo de domínio que vimos nos últimos estágios do ano.

Assim, ao refletir sobre esses assuntos durante os testes, Verstappen reconheceu que as coisas correram como ele queria. Veja!

“Eles saem menos de frente, mas isso é mais porque os pneus traseiros não são tão bons agora quanto no ano passado”, disse ele. “Os pneus dianteiros são os mesmos. Mas, no geral, acho que o carro deste ano está um pouco mais equilibrado.””

Confiabilidade e peso não são mais um problema

Além disso, é bom lembrar que, para Verstappen, a mentalidade já é que a temporada de 2023 está começando com uma linha de base muito melhor do que há 12 meses. Veja o que disse sobre o assunto:

“Comparado ao ano passado, porque era o mesmo carro, é um passo à frente”, disse ele. “Mas isso é normal porque no ano passado nosso carro estava muito pesado.

“Foi o primeiro ano com um carro totalmente novo e um novo conjunto de regulamentos técnicos também, então você aprende muito ao longo desse primeiro ano. Por causa disso, acho que este ano começa um pouco mais fácil. Mas você ainda precisa dar um bom passo à frente, é claro, e acho que já fizemos isso.”

Vale lembrar ainda que poucos que assistiram as ações em pista no Bahrein na semana passada poderiam discordar.

Veja também: Veja como usar o documento do carro pelo celular

Por isso, agora que você sabe tudo sobre o assunto, é só aguardar para conferir o que mais acontece no universo da Fórmula 1.

Continue navegando com a gente!

 

Posts relacionados
Os melhores aplicativos de horóscopo
Os melhores aplicativos de horóscopo Os aplicativos de horóscopo são a maneira mais prática de acessar
Neymar será pai pela terceira vez? Saiba detalhes!
Neymar será pai pela terceira vez? Saiba detalhes! Uma recente especulação envolvendo o astro do futebol brasileiro
Famosas que não “envelhecem” revelam segredos da juventude
Famosas que não “envelhecem” revelam segredos da juventude Os segredos da juventude usados pelas celebridades são dos mais